O primeiro almoço

Item

Título
O primeiro almoço
Descrição
No dia 6 de Junho, após três meses de quase total confinamento, eu e o meu companheiro saímos finalmente de casa para um primeiro almoço fora da nossa sala.
Deslocámo-nos até à Graça, espaço que ambos gostamos e que não fica muito longe de onde vivemos.
Com um misto de curiosidade pela recente reabertura dos restaurantes e receio pela segurança. Eu queria ir a um dos meus restaurantes favoritos — o Damas, na rua da Voz do Operário.
Fiquei contente por estar aberto, por servir refeições e por sermos os únicos clientes. (Ainda que com a consciência de que esta exclusividade era um mau sinal para quem gere este negócio.)
Escolhemos a mesa junto à janela, alegre e ensolarada e, sobretudo, ventilada e, portanto, mais segura.
Ambos usamos máscara até chegar a refeição — um misto de petiscos dos quais tantas saudades tinha.
As regras de segurança sanitária estavam a ser rigorosamente cumpridas pelos funcionários também: máscaras, luvas, talhares embalados. A nova realidade que nos permite a todos um misto de desconfinamento e protecção deste vírus do qual já sabemos tanto, mas ainda sabemos tão pouco.
Localização
Lisboa
Data
6
Junho
2020
Conjuntos de itens

Este item foi submetido em 14 de Julho de 2020 por Diana Barbosa usando o formulário "Conte a sua história" do site "Memória COVID": https://projetos.dhlab.fcsh.unl.pt/s/memoriacovid

Clique aqui para ver a informação recolhida.