Eu relutei muito para tirar uma fotografia de máscara

Item

Título
Eu relutei muito para tirar uma fotografia de máscara
Descrição
Todas as máscaras me machucavam. A estética do uso da máscara cabia aos hospitais, aos dentistas, aos tatuadores....Não combinava comigo e nem com ninguém que eu via nas ruas. Mas essa era a nova moda e era uma moda imposta. Isso foi no começo, tudo ainda era novo e não tinha sido naturalizado. As máscaras me machucavam e ainda me machucam. Elas me mostram que há algo de anormal, de irregular, de extraordinário.
A máscara materializa o medo, o pavor, o pânico -e foram esses os sentimentos que me envolviam naquele aeroporto vazio do dia 17 de abril de 2020.

Essa é minha primeira fotografia portando máscara. Achei tudo horrível, minha cara, meu cabelo, meu cansaço e a situação.

Manhã de embarque no vôo de repatriamento LISBOA-SÃO PAULO.
Localização
Lisboa
Data
17
Abril
2020
Conjuntos de itens

Este item foi submetido em 14 de Julho de 2020 por Barbara Rossi usando o formulário "Conte a sua história" do site "Memória COVID": https://projetos.dhlab.fcsh.unl.pt/s/memoriacovid

Clique aqui para ver a informação recolhida.